E1

Na última quinta-feira, fui com o maridão ao cinema assistir Exterminador do Futuro: Gênesis. Assisti  dois dos quatro filmes da série anos atrás e apesar de não fazer muito o meu gênero, até que eu gostava. 

Fui assistir ao filme sem criar expectativas, mais para acompanhar o marido que adora filmes nesse “estilo” – e aproveitar para fazer um programinha à dois.

Não sei dizer se foi pelo fato de não ter criado expectativa alguma, mas o filme me surpreendeu e muito. Confesso que foi o melhor filme que assisti em 2015 – me arrisco à dizer que gostei mais do que The Avengers. Achei os efeitos maravilhosos, também gostei da escolha dos atores e a forma que a “nova” história foi contada está demais. Sem falar que Arnold, está hilário!

E2 E3 E4

Confesso que o filme parece um pouco confuso no inicio, mas com o desenrolar da história as coisas vão se encaixando e a cada cena a gente vai se surpreendendo mais e mais.

Não sou boa em falar sobre filmes sem dar spoliers, por isso deixo abaixo a sinopse e o trailer. Exterminador do Futuro: Gênesis, ainda está em cartaz e vale muito a pena ir assistir no cinema.

Sinopse

No ano de 2029, a guerra pelo futuro está quase chegando ao fim e um grupo de rebeldes humanos está perto de derrotar o sistema de inteligência artificial Skynet. John Connor (Jason Clarke) é o líder da resistência e Kyle Reese (Jai Courtney) é seu soldado mais confiável.

John envia Kyle de volta a 1984 para salvar sua mãe, Sarah Connor (Emilia Clarke), do cyborgTerminator T-800 (Arnold Schwarzenegger), programado para matá-la e, assim, impedir que ela dê a luz a John anos mais tarde. Mas esse plano é alterado em função da viagem no tempo e, desta vez, é Sarah que precisa salvar Kyle.

 

 

Vocês gostam de filmes nesse estilo?