Desde o lançamento do primeiro filme de Meu Malvado Favorito, o unicórnio se tornou um dos personagens mais queridos pelo público. Isso acontece em parte pela sua aparência encantadora: um cavalo branco com chifre dourado. No entanto, sua adorabilidade não se deve apenas à sua aparência, mas também ao seu papel na trama do desenho.

No primeiro filme, o unicórnio é apresentado como sendo a materialização da pureza e da bondade. Ele vive num mundo colorido e alegre, onde tudo é perfeito e todo mundo é feliz. Esse mundo é uma espécie de metáfora para a felicidade que todos procuram alcançar, mas que raramente encontram. A presença do unicórnio nesse mundo é importante porque ele representa a ideia de que a bondade é possível, e que a felicidade é real.

No entanto, essa visão romântica da bondade é desconstruída na cena em que Gru, o vilão do desenho, tenta capturar o unicórnio. Nessa cena, vemos que a suposta bondade do unicórnio é na verdade uma armadilha que esconde sua verdadeira natureza: ele é egoísta e manipulador, e está disposto a fazer qualquer coisa para proteger seu mundo perfeito. Essa é uma crítica à ideia romântica de que a bondade é algo inato, que as pessoas são boas por natureza e que se comportam mal apenas por influência do ambiente.

Além disso, a cena do unicórnio também é importante porque representa o choque entre duas visões do mundo: a visão de Gru, que acredita que o mal é o caminho para alcançar seus objetivos, e a visão do unicórnio, que acredita que o bem é a única forma de viver. Esse choque entre visões opostas é um tema recorrente em Meu Malvado Favorito, e ajuda a criar uma tensão que mantém o espectador preso à trama.

Outro fator que contribui para a fascinação do unicórnio é o fato de que ele é uma figura muito presente no imaginário popular. O unicórnio é um animal lendário que fascina as pessoas há séculos, e sua presença no desenho animado é uma forma de trazer essa fascinação para uma nova geração. Além disso, o unicórnio é um símbolo de pureza, bondade e beleza, valores que muitas pessoas buscam em suas vidas. Por isso, o unicórnio pode ser visto como uma espécie de guia para os espectadores, uma figura que indica um caminho de virtude e beleza.

Em resumo, o unicórnio é um personagem importante em Meu Malvado Favorito não apenas por sua aparência encantadora, mas também por seu papel na trama do desenho. Ele representa a ideia de que a bondade é possível, mas também a crítica à ideia romântica de que a bondade é inata. Além disso, o unicórnio é uma figura presente no imaginário popular e representa valores que muitas pessoas buscam em suas vidas. Por todas essas razões, o unicórnio é um dos personagens mais fascinantes de Meu Malvado Favorito, e uma das razões do sucesso do desenho animado.